Iatrogenia em Nutrição Clínica Hospitalar: como evitar esse mal?

Conheça os principais riscos de iatrogenia e a maneira correta de evitá-la

A Iatrogenia é uma realidade nas áreas que prestam atendimento em saúde e a Nutrição Clínica Hospitalar não é exceção. Por isso, a Resolução de Diretoria Colegiada nº 36 (2013) da Anvisa instituiu ações para a segurança do paciente em serviços de saúde e propôs outras providências, aflorando a preocupação sobre a iatrogenia em nutrição.

Iatrogenia é qualquer distúrbio ou evento adverso promovido no paciente pelo uso de procedimentos médicos ou equipe de assistência como sondagem, intubações, cirurgias e medicamentos. A palavra também é utilizada para designar erros de assistência capazes de promover eventos adversos com possibilidade de danos (reversíveis ou irreversíveis) durante ou após o tratamento. Segundo a literatura científica, nos Estados Unidos esse problema é responsável por um terço dos óbitos naquele pais.

A terapia nutricional em nutrição clínica não está isenta de causar Iatrogenia pelas inúmeras possibilidades de risco assistencial na execução desses procedimentos. Cito como exemplo a nutrição parenteral que necessita de um procedimento invasivo com a utilização de sistema circulatório. Essa etapa do tratamento pode trazer para o paciente a possibilidade de infecção via cateter de infusão, e a própria dieta, se não for esterilizada ou manipulada de forma correta, também pode servir de veículo para danos.

Principais riscos de iatrogenia em nutrição

Entendemos que muitos procedimentos assistenciais têm seus próprios riscos. No entanto, precisam ser executados com segurança em benefício do paciente, de forma que traga menor quantidade de riscos possível sem adicionar alguns tipos de danos. O que se busca com a resolução de segurança é evitar os danos que podem ser evitados ou controlados por imperícia ou por omissão.

A terapia nutricional utiliza os três acessos de nutrição (a via oral, enteral e parenteral) e nenhuma delas está isenta de causar Iatrogenia. Seguem alguns exemplos de riscos na tabela abaixo (por omissão imperícia ou por procedimento):

Maneiras de evitar a iatrogenia

São inúmeras as possibilidades de riscos de Iatrogenia em nutrição. No entanto, muitos são possíveis de evitar e esse deve ser o objetivo tanto da instituição como também do profissional da área. Isso pode ser alcançado através das seguintes atitudes:

  • Formação e atuação da EMTN (Equipe Multidisciplinar de Terapia Nutricional)
  • Orientar e disseminar as boas práticas para toda a equipe que lida diretamente e indiretamente na assistência nutricional
  • Executar e obter o consentimento informado e esclarecido de cada paciente quando o procedimento representar alguns riscos
  • Praticar a cultura de segurança justa, que significa uma política de transparência e não de punição, estimulando dessa forma o registro e notificação dos eventos adversos para tratamentos e prevenção
  • Capacitar e se especializar para o cumprimento da sua função de nutricionista, trazendo como foco da sua atuação também a segurança do paciente

O tema da segurança do paciente tem sido a espinha dorsal para as avaliações de acreditação hospitalar, ou seja, para que o hospital seja acreditado, é necessário praticar a cultura de segurança que envolve muita capacitação de todos os profissionais envolvidos.

Autor:

Augusto Gonzalez
Nutricionista
Graduado em Nutrição pela universidade federal de viçosa UFV | Especialista em Nutrição Clinica pela Universidade São Camilo | Experiência de gerenciamentos de serviços de alimentação e nutrição hospitalar | Capacidade para estruturar SND de hospitais para atender as exigências de órgão acreditadores de excelência e qualidades | Habilidades para orientar protocolos de assistência nutricional de acesso a dietas oral, enteral e parenteral | Conhecimentos para orientar sistema de monitoramentos para eficácia de assistência nutricional hospitalar e de home card | Experiência em docência para estruturar e ministrar cursos e matérias de cursos de graduação e pós - graduação em serviços de alimentação e Nutrição clinica.

Nutrição Hospitalar

Compartilhe!

Deixe um comentário

Tem interesse? Clique aqui Insira o seu endereço de e-mail abaixo que entraremos em contato assim que as matrículas forem abertas.
E-mail Não iremos compartilhar o seu endereço de e-mail com ninguém.