Vegetarianismo: quais nutrientes devemos suplementar?

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no twitter
Twitter

O vegetarianismo é o consumo de alimentos principalmente de origem vegetal, podendo apresentar diversas variações de consumo 

Pessoas que optam em seguir a dieta vegetariana, geralmente decidem dessa forma por motivos como o meio ambiente, a causa animal, saúde, ou até mesmo por não gostarem de alimentos de origem animal.  

Se você quer estudar o vegetarianismo a fundo, o IESPE possui uma pós voltada exclusivamente para isso. Clique aqui para conhecer o curso

Vamos descrever aqui um panorama geral do assunto. O vegetarianismo pode ser dividido em: 

  • Ovolactovegetarianismo: neste caso, os indivíduos não consomem carne ou pescados, somente leite e ovos;
  • Lactorvegetarianismo: aqui, não são consumidas carne, pescado e lácteos. Ovos não são ingeridos;
  • Ovovegetarianismo: apenas ovos são consumidos, carnes, pescados e lácteos não;
  • Vegetarianismo estrito (vegano): nenhum alimento proveniente de animais é consumido. 

Segundo o estudo EPIC-Oxford, vegetarianos, em consumo de dietas equilibradas, apresentam riscos menores de desenvolvimento de doenças cardio e cerebrovasculares. 

Além disso, vários estudos mostram os benefícios da dieta vegetariana quando comparada à onívora, como por exemplo: menor índice de sobrepeso, menores taxas de colesterol sérico e redução do risco de câncer. 

Nutrientes essenciais ao vegetarianismo

Vegetarianismo é saudável

Os vegetarianos podem estar expostos à deficiência de alguns nutrientes abundantes em alimentos de origem animal, e mais escassos nos alimentos de origem vegetal, mas extremamente necessários para boas condições de saúde. Listamos alguns abaixo:

Vitamina B12

A vitamina B12 não é encontrada em quantidades significativas em alimentos vegetais, além de não haver estudos que  comprovem que a vitamina B12 vegetal consiga ser absorvida por humanos.

Logo, o grau de atenção necessária à deficiência dessa vitamina depende da dieta vegetariana o paciente segue.

Esses pacientes, principalmente os veganos, provavelmente precisarão de suplementação de vitamina B12 animal em algum momento.

A vitamina pode ser prescrita em via oral, até 1000mc/g pelo nutricionista, ou em dosagens maiores ou intramusculares, receitadas por um médico.

Ferro

O ferro proveniente de vegetais é absorvido pelo organismo humano. No entanto, precisa passar por um processo antes da absorção, o que reduz sua biodisponibilidade.

O ferro contido na carne é o ferro heme, que apresenta maior biodisponibilidade que o ferro não-heme contido nos vegetais. Além disso, os vegetais contêm anti-nutrientes que dificultam a absorção do ferro.

Apesar desses fatores, parece não haver diferenças significativas na prevalência de deficiência de ferro em vegetarianos e não vegetarianos.

Vitamina D

A vitamina D é essencial para a absorção de cálcio e saúde óssea. A maioria dos indivíduos pode sintetizar vitamina D suficiente após a exposição à luz solar.

A vitamina D ingerida na alimentação e encontrada em alimentos de origem animal (peixes oleosos, ovos e carne) contribui para a manutenção dos níveis séricos.

Por isso, é importante acompanhar os sinais, sintomas e níveis séricos para evitar a deficiência e, consequentemente, as doenças ocasionadas por ela.

Zinco

Com o zinco, o problema não está em sua presença nos vegetais, uma vez que existem diversas fontes vegetais extremamente ricas.

Porém, muitos desses vegetais ricos em zinco também são ricos em ácido fítico, um inibidor da absorção de zinco.

Nesse caso, compete ao nutricionista realizar adequações na dieta, visando melhorar a biodisponibilidade de Zinco.

Afinal, qual a conclusão a respeito das dietas vegetarianas?

Ao contrário do que muitos pensam, uma dieta vegetariana não apresenta grandes dificuldades para adequação de nutrientes, desde que haja acompanhamento nutricional e uma alimentação rica e diversa. 

A respeito do consumo de proteínas, essas também podem ser facilmente adequadas em uma dieta vegetariana equilibrada. Até mesmo no caso da vegetariana estrita.   

Você tem estado atento para esses nutrientes na dieta de seus pacientes vegetarianos? 

Além desses, você sugeriria atenção a algum outro? 

Comenta aqui embaixo!

— 

REFERÊNCIAS

https://onlinelibrary.wiley.com/doi/full/10.1111/j.1467-3010.2005.00467.x 

https://www.sciencedirect.com/science/article/abs/pii/S0033062018300872 

https://www.tandfonline.com/doi/abs/10.1080/10408398.2016.1138447 

https://sci-hub.hkvisa.net/10.1159/000083787 

https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/8838

Maria Eduarda Souza

Maria Eduarda Souza

Estudante de Nutrição e Redatora (Instagram @mariaeduardasouza03). Estudante do 9º período de Nutrição pela UFJF. Atualmente trabalha como redatora e produtora de conteúdo para redes sociais de empresas e influenciadores digitais.

Deixe um comentário

Posts relacionados

Turma Indisponível We will inform you when the product arrives in stock. Please leave your valid email address below.